30 de out de 2009

Idéias que surgem aos ventos


Pois é pessoal...

E as idéias, onde estão?


Andei bem afastada do blog, no últimos meses...
Na verdade, um pouco longe das agulhas, das lãs, dos trecos tricozísticos e até dos encontros que são maravilhosos...
Ando meio "perdida", no sentido que não encontro tempo para criar algo que me encante.
Acho que todo o processo criativo exige dedicação, boa capacidade de perceber, mente aberta e definitivamente insight. E isto temos que estar com a mente livre e achar um canal que possamos expor nossa vontade de realizar algo artisticamente bom e que nos satisfaça, mesmo sendo um trabalho pequeno e simples.
Estou ainda procurando alguma forma de recomeçar meus trabalhos manuais...
e por falar que quando estamos com um stress alto, a arte é uma das formas de nos organizar e colocar as mentes em dia...não é?
Mas vamos lá...aos poucos estou criando território e ganhando campo novamente...e quem sabe mais leve, livre, com idéias mais soltas...
Tricotar é uma arte...um dom e que possui um significado muito interessante.
Um dia vou fazer uma pesquisa sobre a representação do tricotar na vida das mulheres. Sei que vou ter repostas bem sigificativas sob o olhar feminino que cria, tece, veste e esquenta.

Abraços e até breve!