14 de mai de 2010

Eu assumo!

Eu assumo que tricoto com fios baratinhos, que custam R$= 1,99, ou até menos dependendo da promoção da loja. Os fios Mollet http://www.circulo.com.br/mollet-40gr.html, Família
http://www.pingouin.com.br/cartela/cartela_desc.php?gColecaoIdInt=3&gNoveloIdInt=24 e similares já foram grandes parceiros de longas carreiras. E sabe que teci peças bem interessantes com estes fios Made in Brasil (com s mesmo). Confesso que já tive algum sucesso com receitas de revistas nacionais, estas que compramos nas bancas. Aliás, estas revistas têm mudado muito a sua qualidade, apresentando ultimamente modelos bem bonitos, elaborados e que vale a pena fazer. Assumo também que utilizo agulhas retas. E assumo que tentei tricotar com agulhas circulares e não me adaptei muito bem. Assumo que já fiz Laces com o fio nacional mais fino que encontrei: o Cristal básico que tem cores bem bonitas. Assumo também que usei palitos de dente, para substituir agulhas de tranças (pela leveza de segurar os pontos atrás do trabalho tricotado).

Assumo que faço moldes em papel pardo, do que vou tecer quando se trata de roupas que levam mais tempo para tricotar. Assumo que usei como contador de pontos, pequenas borrachinhas para cabelos coloridas, onde compramos aproximadamente umas 100 unidades por R$= 2,00.

Assumo que até bem pouco tempo, não sabia fazer mate simples e nem mate duplo. Confesso que se não fosse a participação nos grupos de tricô, tanto pela internet - e nem se fala os encontros pessoalmente - eu NÃO SABERIA FAZER QUASE NADA DE TRICÔ!

Assumo também que compro livros nos sebos com edições que não encontramos mais por ai, sendo verdadeiras raridades em termos de técnicas e de clareza nas explicações.

Confesso que já fiz perguntas idiotas, com relação a algum ponto, ou por estar "enrolada" numa técnica e pedindo um socorro. A propósito, uma tricoteira encontra-se volta e meia enrolada nos seus fios...

Assumo que deixei um trabalho a espera de um inverno para o outro, com preguiça de terminar, ou simplesmente por estar casanda daquele trabalho tão repetitivo...

Confesso que tricoto desde os 9 anos, mas assumo que deixei de tricotar por anos, porque esta arte ficou (pode ser que por mim, assumo isto também) esquecida e as lãs e agulhas guardadas e quase escondidas por muito tempo.
Assumo que algumas vezes, compro lãs e fios mesmo sem saber o que vou tecer e simplesmente não resisto e compro...
E definitivamente assumo e confesso que sou uma amante do tricô!

8 comentários:

Ana Paula disse...

Eu também assino essa confissão!! Esse post traduz o que muitas de nós já passamos e nunca tivemos coragem de falar!!Quantas blusas e cachecóis eu já fiz usando a família... O que inspirou esse post Junia??

Janaina disse...

Adorei o post Júnia.

Bjs!

Suzi Musse disse...

Nossa, o que houve???
Não acredito que alguém ache que o contrário disto tudo o que tu escreveste, é algo inadmissível!!!
Se tu e todas nós, mulheres ou homens, não fossemos assim, não seríamos pessoas normais, de carne e osso, de sentimentos antagônicos, de cheios e baixos, de alegrias e tristezas...
Mas mesmo assim achei ótimo..
parabéns.
abraços
Suzi

disse...

Que belo post... muito legal sua postura. Não uso esses fios a não ser pra amostra ou pedaços de mantas, que fiquem longe do corpo por não serem antialérgicas; mas cada qual usa o que quer e pode né não?
Gostei:))

Cristina disse...

Passeando pela net, procurando blogs sobre tricô ( e de preferência com receitas para iniciantes ) me deparo com teu blog e este post MARAVILHOSO!
Confesso que também assumo a maioria das tuas confissões!rsrs
Parabéns pelo blog! Certamente passarei aqui muitas vezes!
Beijo!

Tathy Tricot disse...

Que belissima confissão... uma confissão quase que de uma adolescente..hehehhehehe..
eu tb assumo tudo isso... sou viciada em cores... quando vejo uma lija toda colorida, fico enlouquecida!!!!
beijocas, Tathy

tiane disse...

Júnia! Resumindo...
Você é uma artista!
Acredito que todas nós nos enquadramos nesse belo texto.
Um excelente final de semana! Tiane.

Daiane Daniela disse...

Assino em baixo essa confissão rsrs...
Adorei seu blog!
Beijoo