14 de ago de 2010

A difícil arte de tricotar...

Tenho pensado mais do que nunca que tricotar é muito difícil. Tricotar constantemente, exige dedicação, persistência, paciência, criatividade, tempo e mais do que nunca aprender com os erros e tentar aprimorar o que se constroi.
Todas estas coisas, são de fato muito difíceis. Digo difícil porque tricotar é uma arte tão encantadora, que se faltar todos estes ingredientes que envolvem desde as montagens dos pontos, até a peça feita, tricotar tornar-se uma arte com lacunas e que dá a impressão que falta alguma coisa...
Se não persistimos, não há tricô;
Se não nos dedicamos, não aprendemos novas técnicas;
Se não temos paciência, ora...paciência;
E se não temos a nossa criatividade aguçada, a peça perde totalmente o seu encanto.
Aprender com os erros, é necessário que teçamos, que nos enlaçamos e nos envolvemos com o que criamos...nada adiantará, se o nosso tricô, fique apenas em fazer pontos automáticos, repetitivos, mecânicos. Não podemos desfazer desta arte que deveria nos re-novar a cada ponto, não é mesmo?
Tricô é prazer, é inventar receitas, é reciclar fios, é fazer aquela receita fácilzinha, até mesmo tola, mas que nos alegra.
E se não for assim...devemos nos retirar, para que nossa arte não se esvazie...
As agulhas não irão fugir, e nem mesmos as lãs...que outrora nos acolherão, em pontos criativos e em novas idéias...
O tricô, nos dá seu tempo. Assim como temos que mediar o nosso tempo para o tricô.
OBS.: Olhando mais a foto achei interessante a menina que tece, não sei que ela desmancha ou tricota. Seria a tentativa de tricotar, ou parar? Tricô tem destas coisa...

4 comentários:

Vivi... disse...

Oi Junia,
Lindo texto, reflete realmente a alma da tricoteira, parabéns, ficou lindo, conseguiu passar uma linda mensagem!!!
bjs e um ótimo domingo!!!
Vivi

disse...

Parece que ela está contando os pontos...
Gostei do texto, super certo pra nós...
bjinhos

Suzi Musse disse...

Oi Junia
Nossa, faz tempo que não falo com minha "madrinha".
Lindo texto. Tu és uma poeta.
A foto é maravilhosa.
Tecendo, desmanchando, contando, o uqe importado é a delicadez que nos transmite.
Bjos

patrícia noronha disse...

adorei o que escreveu!
preciso de ajuda no tricô, pra conseguir não desistir.
sou principiante e teci uma blusa e não entendi pq ficou torta, torcida...
poderia me dizer?
tenho que desmanchar?
o decote tb ficou ruim, acabamento bambo...a receita indica fazer o acabamento em ponto caranguejo/crochê, fiz. na parte de trás do decote, nas costas, ficou uma graça, mas quando passa para frente, nos pontos/borda bambos, seguindo as carreiras diminuídas, ficou um horror! o que fazer?
obrigada por me ajudar, se puder...
abraço,
patrícia